Como transformar as refeições em diversão

Seja qual for o método utilizado para introduzir alimentos sólidos, procura sempre transformar as refeições em experiências agradáveis para o teu pequenino. Nunca forces o bebé a comer algo que ele não queira, nem adquiras o hábito de negociar ou fazer chantagem com a comida. A maioria das crianças passa por uma fase enjoada mais cedo ou mais tarde, mas estabelecer hábitos alimentares variados agora pode amenizar esse comportamento mais tarde. Além disso, é mais favorável simplesmente oferecer as opções e observares o teu filho a descobrir os sabores de que gosta. Então, torna esse momento divertido, e não uma chatice.

Mesmo que comeces com papinhas, vais acabar por passar para os pedacinhos de comida usados na diversificação alimentar guiada pelo bebé. E, quando o bebé tiver aprendido a comer alimentos sólidos, poderás ampliar a escolha oferecendo diferentes opções em cada refeição, de forma a que ele possa decidir pegar o que estiver com vontade de provar. Sim, isso pode significar mais desperdício, mas não precisas preparar um prato completo – apenas alguns pedacinhos pequenos de cada opção. O fato de ter escolha pode deixar o pequenino ainda mais animado na hora das refeições.

Porém, lembra-te de que a maior parte da nutrição do bebé ainda depende do leite materno ou em pó. Portanto, não tentes forçar o desmame. Confia na capacidade que o bebé tem de manifestar as suas necessidades e permite-lhe todas as refeições (no seio, no biberão ou à mesa) como um momento divertido para criar um vínculo com o teu bebé.

Afinal, daqui a pouco ele irá pedir as chaves do carro e comer fora de casa constantemente. Dizem que na maternidade o tempo passa super rápido. Então, senta-te e aproveita o momento!

0 comentários:

Publicar um comentário

Deixa o teu comentário!
Os comentários são moderados, pelo que podem não ser visíveis logo após o envio!