Atividades dos 9 aos 12 meses

Cria Música, Constrói Cérebros
Sabias que a música pode acelerar o desenvolvimento do cérebro? Pesquisadores acreditam que a exposição aos ritmos musicais pode, não apenas ensinar a valorizar uma boa canção, mas também aprimorar o aprendizado linguístico e, talvez, o reconhecimento de outros padrões do mundo.


Podes optar por coletar objetos que fazem barulhos diferentes e deixares que o teu pequeno os explore. Bate ou sacode um objeto para o teu bebé, e entrega-o nas mãos dele para que possa explorá-lo. Podes usar tambores, sinos (verifica que não há partes pequenas que possam causar sufocamento), chocalhos, pandeiros, etc. Se o teu bebé já está movendo-se pela casa e está a tentar 'explorar' o armário da cozinha, dá-lhe potes, panelas, colheres de pau, utensílios metálicos, e recipientes de plástico que sejam seguros. Mostra ao teu bebé como ele pode fazer sons com um objeto, e deixa-o tentar por si mesmo.

Tenta dar impulso de batidas diferentes - rápida, devagar, sincopada, alto, baixo. À medida que o teu bebé cresce, ensina-o a imitar o que tu fazes. Assim o teu bebé vai começar a copiar as tuas ações e aprender que uma ampla variedade de objetos pode fazer sons rítmicos ou musicais.

Também podes cantar com o teu bebé sem instrumentos. Ensina-o brincadeiras simples com os dados ou atividades musicais, tais como 'Este porquinho foi à feira', 'A Dona Aranha' e 'Dedinhos' Bebês podem começar a reconhecer as palavras e a música, e irão, eventualmente, querer brincar, fazendo os mesmos movimentos. Não te lembras destas brincadeiras musicais tradicionais? Podes encontrar as palavras, música e movimentos online, mas lembra-te que tens de ser tu a cantar e interagir com o teu bebé, e não uma tela com palavras e música! O teu bebé não espera que sejas afinada, e ambos irão acabar a rir, não importa a tua habilidade como cantora.

Conversas com o teu bebé
Aqueles barulhinhos dos meses iniciais estão a desaparecer, e o teu bebé está a começar a dizer mais sílabas que consegues reconhecer como sons de palavras, ainda que não as esteja a utilizar com essa intenção. Responde a essas 'sílabas sem sentido', criando uma conversa entre vocês. Não é preciso usar 'fala de bebé' - fala com ele como falarias com qualquer outra pessoa. Responde, faz perguntas, dá sempre tempo para o bebé responder, ensinando-o a arte de ouvir e falar.

Narra o teu dia. Diz ao bebé o que estás a fazer, onde estás a ir, o que vês, o que ouves. Coloca nomes em tudo. Usa frases simples e linguagem específica. Aos 12 meses, o teu bebé pode estar a usar palavras simples, como 'ma-ma' ou 'pa-pa', e costuma poder comunicar-se por meio de gestos (apontando objetos ou balançando a cabeça).

Ainda que o teu bebé não esteja a dizer muito sobre coisa alguma, eles geralmente entendem bem o que lhes é dito. Eles podem responder a comandos simples e, geralmente, entendem o que 'não' quer dizer. Se disseres 'onde está o gato?', eles irão olhar ou mover-se na direção do item em questão. Eles estão a aprender que certas palavras são relacionadas a certos objetos, mesmo que ainda não possam falar as palavras. Por vezes, a palavra do bebé para um objeto é apenas um som sem sentido. Quando tu responderes a essa palavra, diz-la corretamente. Por exemplo, se o teu bebé disser 'buh', podes responder dizendo 'sim, aqui está a bola' ao entregar-lhe a bola em mãos.

Cada bebé desenvolve-se de forma diferente. Alguns podem dizer duas ou três palavras no seu primeiro aniversário, mas muitos estarão apenas balbuciando sons. Se tiveres qualquer preocupação sobre o desenvolvimento linguístico do teu bebé, conversa com o teu médico.

'Hora de bruços' agora que o seu bebê está se movendo

Pode parecer que o teu bebé nunca fica no mesmo lugar por muito tempo! Agora que ele pode rolar, e até mesmo engatinhar, podes não conseguir colocá-lo de bruços e esperar que ele brinque nessa posição por muito tempo.

O bebé pode até nem puxar-se com os braços, mas pode estar ajoelhando-se e balançando para a frente e para trás. Este pré-gatinhamento significa que rapidamente o teu bebé estará a passear por aí. Se ele não estiver a gatinhar ainda, podes posicioná-lo sob as mãos e joelhos, colocar um brinquedo um pouco distante e esperar para ver se ele se puxa para frente para pegá-lo. Quando o teu bebé começar a gatinhar, ficarás surpresa com quão rápido ele consegue levantar-se e mover-se pelo chão.

Aos 8 meses, muitos bebés conseguem ajoelhar-se a partir da posição de gatinhamento, e podem, às vezes, sair da barriga no chão para mãos e joelhos, e depois para ajoelhar e sentar - tornando a hora de bruços inútil. Este é um bom sinal de que o teu bebé já não precisa da hora de bruços, mas pode ainda beneficiar-se dos movimentos que esta estimula no desenvolvimento da coordenação motora grossa.

Não irá demorar muito para que o teu bebé esteja de pé, mesmo que ele comece com a barriga no chão. Se o bebé aprendeu o balanço e mudança de peso necessários para estes movimentos mais complexos graças aos músculos que desenvolveu durante a hora de bruços nos meses anteriores.

Será que irei mimar o meu bebé se eu o pegar no colo com muita frequência?
Nunca é uma má ideia responder às necessidades do teu bebé. E a necessidade de proximidade e conexão não é diferente da de comida e fralda limpa. Respondendo às necessidades do bebé, estarás a formar um laço seguro com ele e ensinado-o que ele pode contar contigo e que ele pode confiar em ti.

Além de confortá-lo, podes querer premiá-lo pelo primeiro passo ou palavra com abraços e apertos. Se é a tua vontade, faz isso! Estarás a ensinar-lhe que o contato emocional com alguém que ama é algo bom. Quando o teu bebê reciprocar e envolver-te com aqueles braços gorduchinhos, o teu coração irá se derreter de alegria.

E o choro na hora da soneca ou de dormir? Será que devo deixar o bebé chorar para que ele possa aprender a se acalmar sozinho? Será que ele não está a tentar manipular-me?

Os bebés que obtém respostas rápidas quando choram, choram menos de um modo geral - tornando a vida de pais e mães menos stressante. É somente por volta dos 9 meses que o seu bebé irá descobrir que chorar gera uma resposta tua. Uma rotina e horário determinados para dormir pode ajudar a evitar lágrimas. Não há problema em não responderes logo no início do choro de um bebé mais velho, e também não há problema em acalentar o bebé até ele dormir. O teu papel de mãe ou pai não acaba só porque o teu bebé está a querer dormir.

Confia na tua intuição. Se algo te parece certo, então é a forma certa para ti. Se algo te parece errado - se não estás a dormir bem porque o teu bebé exige que estejas ao lado dele durante a noite toda, por exemplo - faz as mudanças apropriadas à tua família.


Torna a hora de brincar divertida para crianças mais velhas
O teu pequenino deve estar mais móvel e começa a entender mais e mais o que tu dizes. Ele pode estar a começar a usar palavras simples, por isso, agora é uma boa hora para introduzir novas atividades na hora de brincar.

A habilidade motora grossa e a coordenação do teu bebé estão a melhorar. Ele pode estar a gatinhar, a sentar, ajoelhando-se, e tentando levantar-se. Com este movimento, podes descobrir que o teu bebé gosta de dançar. Coloca a tua música favorita, e o teu bebé talvez comece a balançar e sacudir-se. Ainda que os bebés gostem de fazer isto sozinhos, eles vão amar se fizeres também.

Brinquedos que o bebé possa empilhar e categorizar começaram a ficar mais fáceis para ele manipular à medida em que a coordenação motora fina continua a melhorar. Brinquedos com chaves e botões também irão tornar-se mais interessantes para o bebé. Mostra ao teu bebé como as coisas funcionam, e depois dá-lhe a oportunidade de manipular o brinquedo sozinho.


Outra brincadeira que o teu bebé vai gostar é o 'Achou'. Podes usar uma coberta e cobrir a cabeça do bebé (ou a tua), ou apenas as mãos dele. Dá ao bebé alguns segundos para encontrar forma de fazê-lo. Também podes brincar de esconde-esconde. Apenas não te escondas por muito tempo - ansiedade de separação começa por volta desta idade e o teu bebé pode não gostar do teu "desaparecimento".


Ler encoraja o desenvolvimento linguístico
Ler continua a ser uma das formas mais importantes de ajudar a construir o cérebro do teu bebé e estimular o desenvolvimento linguístico.

O teu bebé é capaz de concentrar-se por mais tempo e interagir mais com o que está a ler. Usa diferentes vozes enquanto estiveres a narrar, faz expressões faciais de acordo com o que estás a acontecer na história, para e faz perguntas ao teu bebé, aponta ilustrações interessantes ou engraçadas.

Livros com texturas nas ilustrações podem criar uma atividade interativa, e aqueles com pop-ups são divertidos nesta idade. Pensa em criar um álbum para o teu bebé com fotos de pessoas da tua família. O bebé está a prestar atenção ao que fazes enquanto lês. Passa o dedo sobre as palavras que estás a ler, para que o bebê comece a associar as formas na página com as palavras que estás a dizer. Ensina o bebé a virar as páginas - mas não te surpreendas se o livro acabar na boca do bebé de vez em quando (principalmente se um dentinho estiver a nascer!). Procura por livros de pano ou vinil, capazes de lidar com este manuseio.
Os livros de papelão duros são mais resistentes que os de papel. Mantém-os numa cesta ou numa prateleira baixa para que o bebé possa brincar com eles e manuseá-los. Os especialistas acreditam que esta é uma das melhores formas de ajudar o bebé a tornar-se uma criança que gosta de ler.

0 comentários:

Publicar um comentário

Deixa o teu comentário!
Os comentários são moderados, pelo que podem não ser visíveis logo após o envio!