Como acalmar um bebé que chora

Não importa se as lágrimas são normais. Ninguém gosta de ver o seu bebé a chorar. Como pai/mãe de primeira viagem, provavelmente vais querer fazer algo para ajudar.
Isso é perfeitamente natural, e, na maior parte do tempo, há coisas que podes fazer para acalmar o teu bebé em prantos. Podes tentar:
  • Andar e conversar com o pequenino confortavelmente aconchegado no teu colo.
  • Embalar o bebé enquanto cantas músicas.
  • Ir para um local silencioso e de baixa luminosidade da casa para embalar o bebé, especialmente se achas que ele pode estar com estimulo em excesso (normalmente sonolento).
  • Utilizar músicas que possam imitar alguns dos sons repetitivos que o bebé costumava ouvir dentro do útero – ruído branco é o ideal!
  • Pegar o teu bebé nu no colo e colocá-lo em contato direto com a tua pele, enrolando talvez uma manta leve em volta dos dois. Muitos pequeninos acham esse contato pele a pele reconfortante.
  • Fazer uma massagem suave na barriguinha do bebé, o que pode ajudá-lo a aliviar as dores de gases.
  • Tenta amamentar ou dar o biberão – enfim, alimentá-lo como habitualmente costumas fazer.
  • Experimenta dar uma chupeta ao teu pequenino (aconselho apartir do primeiro até ao quinto mês de vida). Embora as chupetas tenham adquirido má fama, pesquisas atuais revelam que elas podem ajudar a prevenir a SMSL. E muitos pais dirão que, ao longo das últimas décadas, elas foram um excelente acessório de reconforto.
  • Experimenta dar um banho morno.
  • Coloca o bebé no sling enquanto andas pela casa.
  • Sai de casa com o pequenino. Experimenta um passeio a pé com o carrinho ou passeia de carro - a mudança de atmosfera e uma brisa fresca pode ajudar.
  • Coloca música infantil ou música relaxante a tocar.
  • Acaricia a cabeça do bebé de maneira reconfortante enquanto ele descansa no teu colo.
  • Coloca o pequenino num balancinho infantil ou cadeirinha de descanso vibratória.
Há muitas opções para acalmar o acesso de choro de um bebé. Esta lista não é exaustiva nem representa o que pode dar certo com todas as crianças ou situações. Lembra-te de que cada bebé é diferente e que, durante um tempo, alguns desses métodos incluirão tentativa e erro. Trata-se de descobrir o que dá certo com o teu pequenino, reconhecendo ao mesmo tempo que o que está a funcionar esta semana pode não funcionar na semana seguinte.
E isso é normal. Porque, mais uma vez, às vezes os bebés simplesmente choram. Então não sejas exigente demais contigo mesmo(a) se os teus maiores esforços não parecerem estar a dar resultados.

0 comentários:

Publicar um comentário

Deixa o teu comentário!
Os comentários são moderados, pelo que podem não ser visíveis logo após o envio!